A Princesa Dona Maria Amélia falece

0
27

A Princesa Dona Maria Amélia falece no dia 4 de fevereiro de 1853 em Funchal.

A Princesa Dona Maria Amélia de Bragança, filha do ex-Imperador Dom Pedro I e da ex-Imperatriz Dona Amélia de Leutchenberg falece em Funchal na Ilha da Madeira em 4 de Fevereiro de 1853 vítima de tuberculose. Ela se mudou em Agosto de 1852 para a Ilha da Madeira com intuito de melhoras devido aos ares. Ela recebeu em 12 de Maio um grande funeral em Portugal. Sua morte abalou profundamente Dona Amélia, assim como ao seu noivo o Arquiduque Maximiliano de Habsburgo e o irmão que nunca conhecera Dom Pedro II.

A Princesa só foi reconhecida oficialmente como tal pelo Senado Brasileiro em 1841, uma vez que havia nascido em Paris após a abdicação do pai e não era reconhecida nem como Princesa do Brasil, nem como Infanta de Portugal.

Era uma das princesas mais belas e mais bem educadas da Europa e foi apelidada de “Princesa Flor”. Dona Maria Amélia apaixonou-se pelo Arquiduque Maximiliano de Habsburgo, futuro Imperador do México, no início de 1852, porém o casamento nunca foi efetuado devido a morte prematura da Princesa do Brasil. Maximiliano apesar de ter se casado nunca esqueceu Dona Maria Amélia, a quem sempre prestava homenagens.

Imagem: retrato da Princesa Dona Maria Amélia, Friedrich Dürck, 1849, atualmente no Museu Imperial.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS