Blog petista admite que Globo e Folha colaboram com a narrativa esquerdista

0
125

Em artigo intitulado “Globo acusa Record de cumplicidade com esquema Bolsonaro”, o blog petista Brasil 247 admite que a narrativa propagada pela esquerda brasileira é corroborada pela Globo e Folha.

“Um fato raro, quase inédito: a Globo partiu para o confronto público com a Rede Record do bispo Edir Macedo. O governo Bolsonaro está no centro da ofensiva da emissora dos Marinho contra a concorrente”, afirma o trecho inicial de uma matéria publicada no blog petista “Brasil 247“.

A matéria, cuja autoria é desconhecida, diz que a Globo está cada vez mais distante do “governo de extrema-direita”, enquanto a Record e o SBT tornaram-se as “emissoras extraoficiais do novo regime”.

Não se assuste com o palavreado utilizado no texto. A maior parte dos blogs financiados pelo Partido dos Trabalhadores (PT) vive em um mundo fantasioso onde o presidente do Brasil, que foi eleito legitimamente pelas vias democráticas, é o líder de um “regime”, enquanto o ditador Nicolás Maduro, da Venezuela, é o chefe de um “governo”.

O blog “Brasil 247” continua:

“De um lado, Globo e Folha começam a ter uma postura crítica e de oposição cada dia mais agressiva a Bolsonaro. Do outro lado, com Record e SBT à frente, Rede TV, Band e Jovem Pan têm alinhamento integral ao novo regime -com o provável reforço em breve da versão brasileira da rede norte-americana CNN.”

Para finalizar o artigo, o blog petista escreve:

“No novo cenário, a Globo e a Folha assumem, em determinados momentos, aspectos da narrativa das mídias independentes do país, como o 247, Fórum, DCM, Brasil de Fato, RBA entre outros.”

Reparem que o Brasil 247 se declara como uma “mídia independente”, ao lado de outros sites de apoio ao PT como a revista Fórum, o Diário do Centro do Mundo, entre outros.

Será que eles são realmente independentes? Em despacho assinado pelo ex-juiz Sergio Moro, no dia 3 de agosto de 2015, fica óbvio perceber que a informação é claramente falsa.

Editora 247, representada pelo jornalista Leonardo Atuch e que edita o site Brasil 247, recebeu pelo menos R$ 180 mil do esquema de corrupção da Petrobras, a pedido do ex-tesoureiro do PT João Vaccari, registra a “Gazeta do Povo“.

Segundo um dos delatores da Operação Lava Jato, Milton Pascovitch, o dinheiro pago à editora foi dado sem a prestação de qualquer serviço e tratou-se de uma operação “para dar legalidade ao apoio que o Partido dos Trabalhadores dava ao blog mantido por Atuch”.

O vídeo abaixo é um trecho de um episódio do documentário do Brasil Paralelo sobre a ligação entre o blog Brasil 247 e a corrupção promovida pelo PT ao longo dos últimos anos.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS