Bolsonaro reforça sua posição contrária à legalização do aborto

0
62

Abertamente contrário à legalização do aborto, Bolsonaro reafirmou sua posição nesta semana, durante participação no Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça.

Em entrevista a “Bloomberg“, o presidente da República, Jair Bolsonaro, disse que se o Congresso aprovar lei que facilite a interrupção da gravidez, ele vai vetar o texto.

Bolsonaro declarou:

“Eu sou cristão, acredito em Deus, e no que depender de mim, nenhuma iniciativa favorável ao aborto será apresentada no Parlamento. Se o Parlamento resolver por maioria aprovar um projeto deles, eu veto e, se o Parlamento derrubar o veto, nós vamos respeitar a lei na questão do aborto.”

Atualmente, a lei penal do Brasil não pune o aborto em apenas duas circunstâncias: o chamado aborto necessário, quando não há outro meio para salvar a vida da gestante, ou quando a gravidez é decorrente de estupro, informa a “Gazeta do Povo“.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS