Holiday quer acabar com cotas para negros em concursos municipais de SP

0
50

Holiday, um dos líderes do Movimento Brasil Livre (MBL), é um crítico ferrenho da política de cotas para negros.

O vereador Fernando Holiday (DEM) protocolou na Câmara Municipal de São Paulo um projeto de lei que extingue o uso de cotas para negros nos concursos para servidores municipais da capital.

O documento propõe a revogação de duas leis já vigentes sobre o assunto, mas ainda precisa passar por comissões antes de ser votado em plenário.

Para Holiday, que é negro, a política de cotas “é racista”, e ele vem sendo muito criticado nos últimos anos por conta deste posicionamento.

Segunda a “Folha“, o líder do MBL acredita que a cota “prática em que se dá a alguém determinados privilégios ou se nega a alguém certos direitos em função da sua cor de pele”.

“Isso é, em síntese, exatamente o que esta política pública perversa faz: classifica as pessoas de acordo com a sua cor ou raça”, afirma Holiday.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS