‘Não queremos misturar Islã à nossa cultura’, diz premiê da Hungria

0
174

O primeiro-ministro húngaro criticou os países que “misturam duas culturas” e pensam que isso “criará algo novo e bom”.

O primeiro-ministro Viktor Orban declarou:

Há países que pensam que misturar duas culturas – cristianismo e islamismo – cria algo novo e bom. Nós vemos isso de forma diferente.

O líder da Hungria acrescentou:

Se os outros querem misturar suas culturas, então eles têm direito a essa tentativa. Mas não queremos fazer nenhum experimento na Hungria.

Com os olhos voltados para as próximas eleições europeias em maio, Orban espera que os eleitores “queiram manter e proteger sua identidade nacional, bem como seus costumes cristãos”, informa o site “Voice of Europe“.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS