Renan Calheiros parte para o ataque contra procurador da Lava Jato

0
284

Calheiros está revoltado com Dallagnol porque o procurador apoiou o abaixo-assinado pelo voto aberto para os presidentes do Congresso Nacional.

Candidato à Presidência do Senado e investigado pela Operação Lava Jato, o senador Renan Calheiros (MDB-AL) disse que o procurador Deltan Dallagnol parece “um ser possuído”.

Nesta terça-feira (15), Calheiros escreveu em seu perfil oficial no Twitter:

O ataque do senador contra Dallagnol se dá por causa da eleição à presidência no Congresso.

O procurador da Lava Jato está na frente dos que querem alterar as regras para que a votação seja aberta e encabeça um abaixo-assinado pelo voto aberto, conforme noticiou a RENOVA.

Renan responde a pelo menos sete inquéritos no Supremo Tribunal Federal decorrentes de investigações e delações da Lava Jato.

Na Lava Jato, Calheiros foi citado em quatro inquéritos na delação da Odebrecht e, de acordo com a Polícia Federal, teria recebido 3 milhões de dólares em propina do dono da cervejaria Itaipava.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS