Bolsonaro diz que envio de ajuda à Venezuela está mantido

0
13

Apesar da pressão e provocação por parte do regime Maduro, Bolsonaro reafirmou o compromisso do Brasil no envio de ajuda humanitária à Venezuela.

No dia em que militares da Venezuela mataram dois indígenas na região fronteiriça com o Brasil, o presidente da República, Jair Bolsonaro, confirmou na noite desta sexta-feira (22) que as toneladas de ajuda humanitária serão enviadas para o território venezuelano.

“Comunico que o envio de ajuda humanitária aos venezuelanos está mantido”, disse Bolsonaro em mensagem publicada no seu perfil oficial no Twitter.

O porta-voz da Presidência, Otávio do Rêgo Barros, informou que o governo brasileiro tem cerca de 200 toneladas de alimentos estocados para ajuda humanitária à Venezuela.

A operação de entrega dos remédios e alimentos ao povo da Venezuela tem previsão de início neste sábado (23) e se estenderá por alguns dias, sem previsão de término, como noticiou a RENOVA.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS