Chanceler Ernesto Araújo supervisiona envio de ajuda humanitária para Venezuela

0
20

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, está em Boa Vista, capital de Roraima, para observar o envio de ajuda humanitária para o povo venezuelano.

O porta-voz da Presidência, Otávio Rêgo Barros, informou na noite desta sexta-feira (22) que o Brasil tem cerca de 200 toneladas de alimentos estocados para enviar como ajuda humanitária à Venezuela.

Em mensagem no Twitter, o presidente da República, Jair Bolsonaro, confirmou que a operação do governo brasileiro para envio dos mantimentos estava mantida. A decisão foi tomada apesar das provocações fronteiriças do ditador Nicolás Maduro nos últimos dias.

Na manhã deste sábado (23), o chanceler Ernesto Araújo visitou o galpão das Forças Armadas do Brasil, em Boa Vista, capital de Roraima, para supervisionar o processo de embarque das tonelada de alimentos e remédios.

Em sua visita ao galpão militar, o chefe do Itamaraty estava acompanhado do encarregado de negócios da embaixada dos Estados Unidos, William Popp, e da embaixadora representante no Brasil da Assembleia Nacional da Venezuela, María Teresa Belandria.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS