Duterte vai endurecer guerra às drogas nas Filipinas

0
0

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, alertou nesta quarta-feira (20) que a sua famosa campanha contra as drogas será ainda mais dura no futuro.

Rodrigo Duterte conquistou a Presidência em 2016 com uma ampla vantagem e uma promessa à população: erradicar as drogas e o crime.

Apesar das inflamadas críticas da comunidade internacional, as pesquisas de opinião recentes indicam um grande apoio do povo das Filipinas ao seu presidente.

Em discurso nesta quarta-feira (20), Duterte disse que o problema das drogas é uma questão de segurança nacional:

“Não permitirei que meu país termine como um Estado falido por causa das drogas.”

Os críticos, entre eles a Igreja Católica, dizem que a guerra às drogas tem visado sobretudo os pobres de centros urbanos e deixado os chefes dos cartéis praticamente impunes, registra a agência Reuters.

Indagado por repórteres se a repressão será mais sangrenta, Duterte respondeu: “Acho que sim”.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS