Estudo indica que uso de maconha prejudica a fertilidade

0
18

Resultados de um estudo publicado em dezembro do ano passado no periódico Epigenetic apontam para possíveis riscos reprodutivos associados ao uso da droga.

Após avaliações, 24 homens, entre 18 e 40 anos, concluíram o estudo, sendo 12 deles usuários de maconha e os outros 12, não.

As análises identificaram que o princípio ativo da cannabis, o tetra-hidrocarbinol (THC), provoca mudanças no DNA do espermatozoide.

Além disso, o uso da erva foi associado a uma concentração significativamente menor de espermatozoides comparado com os não usuários.

No entanto, o estudo tem limitações. Uma delas é que a amostra é pequena. Outra é que há uma gama de fatores potenciais que não foram considerados no estudo.

A cannabis é uma das drogas psicoativas mais amplamente usadas, sendo os homens a maioria dos consumidores.

O uso da maconha decai com a idade, mas ainda é representativo durante a idade reprodutiva, informa a revista Veja.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS