Guaidó quer ajuda do Papa para tirar Maduro do poder

0
12

Guaidó clamou ao papa Francisco que peça ao ditador Nicolás Maduro para deixar o poder na Venezuela.

Reconhecido por cerca de 40 países como presidente interino da Venezuela, o líder opositor Juan Guaidó pediu ao Papa Francisco para “mostrar” Maduro a necessidade de “avançar para um processo de transição ordenada que estabilize o país”.

“O tempo é outro na Venezuela”, disse Guaidó, referindo-se à possibilidade de um diálogo com a mediação do pontífice, solicitado pelo ditador socialista, informa a ISTOÉ.

“A grande autoridade moral que o Vaticano e o Papa têm, na melhor das hipóteses, facilita o processo de garantias para alguns que hoje se recusam a ver a realidade”, disse Juan Guaidó, que acusa Nicolás Maduro de “usurpar” a presidência por ter sido reeleito com fraude de votos.

Maduro enviou uma carta esta semana ao líder da Igreja Católica. O pontífice, por sua vez, está disposto a mediar se as “duas partes” o solicitarem, conforme noticiou a RENOVA.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS