Maduro alonga Carnaval e dá esmolas ao povo

0
0

Maduro anunciou nesta quarta-feira (20) que o feriado de Carnaval na Venezuela terá mais dois dias.

Em anúncio feito nas redes sociais, o ditador Nicolás Maduro afirmou:

“Pensando nos meninos, nas meninas, na família e na cultura nacional, este ano vamos adiantar o Carnaval. Declaro feriado nacional a quinta-feira, 28 de fevereiro, e a sexta-feira, 1º de março. Cumpra-se!”

Maduro disse que a mudança teria como motivo “aumentar a alegria da festa de Carnaval”. Com a mudança, o feriado de Carnaval na Venezuela terá seis dias, registra a Gazeta do Povo.

O líder do regime chavista também ofereceu esmolas para acalmar o povo. Ele avisou que “o abono do carnê da pátria” será pago no dia 27 de fevereiro, véspera de Carnaval.

O “carnê da pátria” é uma espécie de cartão de fidelidade ao regime por meio do qual se distribuem benefícios sociais. A oposição alega que o cartão é utilizada pela ditadura para controlar a população.

A Venezuela vive a pior crise política e econômica de sua história, com grave escassez de remédios e hiperinflação. Segundo a ONU, desde 2015, cerca de 2,3 milhões de venezuelanos fugiram do país.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS