STF abre o sétimo inquérito contra o senador Collor

0
0

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou abertura de novo inquérito para investigar o senador Collor.

O ministro do STF, Ricardo Lewandowski, determinou nesta segunda-feira (18) a abertura de inquérito para investigar o senador Fernando Collor de Mello (PROS-AL).

O objetivo da investigação é apurar se Collor desviou a finalidade da verba da cota parlamentar para pagar despesas de sua residência particular, a Casa da Dinda, em Brasília.

O senador é réu em ação penal e responde a outros cinco inquéritos da Operação Lava Jato e seus desdobramentos. Com isso, Collor passa a ser alvo do sétimo procedimento no Supremo.

De acordo com uma reportagem veiculada no fim de 2017 pelo jornal O Tempo, Collor utilizou parte da cota parlamentar, dinheiro público, para despesas de jardinagem e limpeza de sua casa.

Lewandowski estabeleceu prazo de 60 dias para a Polícia Federal ouvir depoimentos e coletar as informações, informa o G1.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS