Alexandre Frota protocola representação criminal contra José de Abreu

0
0

Alexandre Frota protocolou nesta segunda-feira (11) na Procuradoria-Geral da República (PGR) uma representação criminal contra José de Abreu.

De acordo com deputado federal Alexandre Frota (PSL-SP), os motivos são “os diversos crimes cometidos por ele [Abreu] no aeroporto, em solo brasileiro”.

O ator global José de Abreu se autoproclamou presidente do Brasil no dia 25 de fevereiro, em uma série de publicações na rede social Twitter.

José de Abreu chegou de viagem no último dia 8, quando foi recebido com festa por poucos membros da militância petista no aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro.

Através do seu perfil no Twitter, Frota divulgou nesta segunda-feira (11) uma foto da representação criminal que protocolou na PGR.

Segundo informações do UOL, o deputado também fez outras críticas ao ator e afirmou que vai apresentar nesta terça-feira (12), no plenário da Câmara dos Deputados, provas de que Abreu teria cometido irregularidades com o uso da Lei Rouanet.

Especialista consultado pela RENOVA afirma que as últimas atitudes de José de Abreu podem ser enquadradas dentro de dois artigos da Lei de Segurança Nacional (7.170/83). A pena pode chegar aos 8 anos de prisão.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS