Escola na Inglaterra suspende aulas com conteúdo LGBT

0
27

Uma escola primária na Inglaterra suspendeu aulas com conteúdo LGBT depois que 600 alunos foram retirados das salas por pais muçulmanos furiosos, alegando que a homossexualidade estava sendo “agressivamente” ensinada aos seus filhos.

Parkfield Community School foi forçada a suspender as aulas até depois da Páscoa, enquanto uma consulta mais ampla será organizada com os pais.

Os ânimos ficaram tensos entre a direção da escola da Inglaterra e os pais — a maioria de origem muçulmana — devido ao ensino de conteúdo adaptado ao estilo de vida LGBT nas salas de aula, informa o portal RT.

A escola primária, que tem cerca de 740 alunos, está localizada em uma área predominantemente muçulmana na cidade britânica de Birmingham.

O projeto da instituição de ensino tem sido criticado por pais muçulmanos por implementarem um programa LGBT que visa desafiar a homofobia, porque a homossexualidade é estritamente proibida no Islã.

O mal-estar dos pais enfurecidos chegou a se transformar em ameaças contra o vice-diretor da escola Andrew Moffat, que é homossexual. Ele afirma ter recebido “e-mails desagradáveis”, incluindo um que avisou que “não duraria muito”.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS