Estadão é alvo de críticas na internet por perseguir sites e influenciadores

0
0

Em matéria publicada na noite de sábado (16), o jornal Estadão colocou veículos de informação da mídia alternativa e perfis de viés direitista em uma lista negra supostamente envolvidos com uma “máquina de assassinato de reputação”.

O jornalista do EstadãoJosé Fucs, formulou uma lista negra de sites e perfis acusados de fazer parte de uma “rede bolsonarista jacobina”.

A reação das redes sociais foi instantânea.

Na manhã deste domingo (17), a hashtag #EstadãoFaltouEu é o assunto mais comentado do Twitter brasileiro.

Confira alguma das mensagens circulando na rede social com a tag:

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS