Polícia apreende material na casa de menor investigado pelo massacre em escola de Suzano

0
0

Nesta sexta-feira (15), uma equipe de investigação apreendeu material que estava na casa do jovem investigado pelo massacre na escola Raul Brasil, em Suzano (SP).

Um par de botas, um caderno com anotações e desenhos e o celular do rapaz estão sendo analisados.

O jovem, que ainda é visto como suspeito de ter participado do planejamento do ataque, foi ouvido pela polícia e liberado, antes da busca por itens em sua casa. Ele era amigo de um dos dois atiradores que entraram na escola Raul Brasil e mataram 10 pessoas, na quarta-feira (13).


O ataque deixou dez mortos, dos quais duas funcionárias da escola, cinco alunos, um empresário (tio de um dos assassinos) e os criminosos, que se mataram depois do ataque. Outros 11 feridos foram encaminhados a hospitais. Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

Veja o vídeo

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS