Trump assina decreto protegendo liberdade de expressão nas universidades

0
0

“Estamos aqui para tomar medidas históricas para defender os estudantes americanos e os valores americanos”, disse Trump.

O presidente Donald Trump assinou um decreto exigindo que as universidades e faculdades dos Estados Unidos protejam a liberdade de expressão em seus câmpus, ou poderão perder fundos federais para pesquisa.

Cercado por ativistas estudantis conservadores em cerimônia de assinatura na Casa Branca, nesta quinta-feira (21), Trump disse que “eles estão sob cerco.”

“Sob o disfarce de códigos de fala, espaços seguros [safe space] e aviso de gatilho [trigger warning], essas universidades tentaram restringir o pensamento livre, impor total conformidade e fechar as vozes de grandes jovens americanos como os que estão aqui hoje”, disse ele, segundo a Fox News.

Em discurso na Conferência Anual de Ação Política Conservadora (CPAC), no início do mês de março, Trump chamou ao palco Hayden Williams, um ativista conservador que levou um soco no rosto na Universidade da Califórnia, Berkeley, no mês passado, enquanto recrutava estudantes para o grupo conservador Turning Point USA.

“Hoje, tenho orgulho de anunciar que em breve assinarei um decreto que exige que as faculdades e universidades apóiem a liberdade de expressão se quiserem verbas federais para pesquisa”, disse Trump, provocando gritos e aplausos da audiência.

Se as universidades não o fizerem [para eles] custará muito caro”, acrescentou o presidente.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS