Falta de papel impede publicação de jornais em Cuba

0
0
Reading the Granma, the official newspaper, where the year reads "Año de la revolucion 53". Havana (La Habana), Cuba

Os jornais de Cuba vão reduzir suas edições a partir desta sexta-feira (5) por falta de papel. Uma medida similar foi adotada por Fidel Castro no começo da crise econômica da década de 1990.

O órgão oficial do Partido Comunista de Cuba relatou nesta quinta-feira (4):

“Devido às dificuldades com a disponibilidade de papel jornal no país, as edições do jornal Granma nas quartas e sextas-feiras, assim como os semanários Granma Internacional, Trabajadores, Orbe e Opciones, serão reduzidas de 16 para 8 páginas, a partir de sexta-feira.”

Segundo o Correio Braziliense, o texto destacou que o Juventud Rebelde, outro jornal de âmbito nacional, “circulará aos domingos com sua paginação habitual e deixará de circular aos sábados”, enquanto “outras publicações em série […] também terão sua circulação afetada”.

O anúncio ocorre em um momento em que os cubanos enfrentam uma escassez de alimentos básicos, como ovos, farinha de trigo e frango.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS