Trump quer encontro com Kim na fronteira entre as duas Coreias

0
0

“Após várias reuniões muito importantes […] deixarei o Japão rumo à Coreia do Sul”, disse Trump.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou, neste sábado (29), em Osaka, no Japão, estar aberto a uma reunião com o ditador norte-coreano, Kim Jong Un, na zona desmilitarizada entre as duas Coreias.

Segundo o jornal Estadão, Trump declarou:

“Após várias reuniões muito importantes […] deixarei o Japão rumo à Coreia do Sul. Quando estiver lá, se o presidente Kim da Coreia do Norte vir isto, gostaria de me reunir com ele na fronteira para apertar a mão dele e dizer olá!”

A oferta foi uma surpresa diante do resultado da última reunião entre Trump e Kim, em fevereiro, em Hanói, capital do Vietnã, que acabou sem acordo sobre o programa nuclear da Coreia do Norte.

O presidente dos Estados Unidos viajará diretamente a Seul ao final da cúpula do G-20 em Osaka, onde ele se reúne neste sábado com o presidente chinês, Xi Jinping, para tentar baixar a tensão entre as duas potências em plena guerra comercial.

CURTA O CONSERVADORISMO DO BRASIL NO FACEBOOK

COMENTÁRIOS